quarta-feira, 17 de janeiro de 2018

IMPORTANTE ; VETO A LEI E EXTINÇÃO DE CARGOS


Uma série de medidas do governo Temer desagradou as principais instituições e movimentos ligados à classe bibliotecária. 

Como resultado a Febab, apoiada pela ARB, publicou uma moção de repúdio (http://arb.org.br/2018/01/mocao-repudio-febab-ao-veto-presidencial-a-lei-no-13601-2018/) aos vetos presidenciais ocorridos sobre a lei de Regulamentação da Profissão de Técnico em Biblioteconomia. 

Também contra os vetos presidenciais, um grupo de bibliotecários do WhatsApp, criado a partir de iniciativa da professora Daniela Spudeit, criou um abaixo assinado virtual (https://www.abaixoassinado.org/abaixoassinados/39288#inicio). 

O CFB publicou uma nota de repúdio ao decreto presidencial que extinguiu 60 mil cargos na Administração Pública (http://www.cfb.org.br/destaque/nota-de-repudio-a-extincao-do-cargo-de-bibliotecario-no-servico-publico/) e uma nota de esclarecimento sobre os vetos ocorridos na lei 13601/2018 (http://www.cfb.org.br/destaque/nota-de-esclarecimento-lei-no-13-601-de-09-de-janeiro-de-2018/). 

O abaixo assinado do CFB está disponível na nota de repúdio, mas pode ser diretamente acessado aqui: https://www.abaixoassinado.org/abaixoassinados/39285#inicio

terça-feira, 9 de janeiro de 2018

Pesquisa da FEBAB sobre associativismo do bibliotecário no contexto brasileiro – responda até 30/01


Em outubro de 2017, a partir da Visão Global da IFLA, a FEBAB ouviu 947 bibliotecários brasileiros que manifestaram suas opiniões a respeito da Biblioteconomia e da atuação do profissional. Agora, a FEBAB quer se aproximar ainda mais e compreender unicamente o contexto brasileiro.
Sua participação é mais do que importante!
Ela é contribuinte para as ações da FEBAB, de associações e do seu perfil de advocacy pela profissão e pela área.
Além disso, você concorre a brindes da campanha “Eu Amo Biblioteca Eu Quero”.
Preencha o formulário até 30/01: https://goo.gl/B2QxxJ
Informações da FEBAB.